Cuidado com o Slenderman: De lenda urbana a fenômeno social

Criado por Eric Knudsen (sob o nickname Victor Surge) em 2009, o mito do Slenderman começou na internet e se propagou pelo cinema, televisão, literatura, quadrinhos e games… Até chegar à vida real, quando, em 2014, duas garotas de 12 anos esfaquearam uma colega de escola da mesma idade, nos EUA, acreditando que assim agradariam ao monstro surgido do fórum online CreepyPasta. Para abordar essa lenda urbana que se tornou um fenômeno social, a HBO lança hoje (15/05), às 22h, o documentário original Cuidado com o Slenderman.

Dirigido por Irene Taylor Brodsky (The Final Inch), “Beware the Slenderman” (título original) conta como o isolamento adolescente, as doenças mentais e a realidade nebulosa da internet levaram as amigas Morgan Geyser e Anissa Weier a cometer um atentado brutal contra Payton Leutner – a quem chamam de “Bella”. Com entrevistas com as famílias e filmagens dentro da sala de audiências na Justiça, o filme aponta que produções misteriosas, jogos e vídeos caseiros disponíveis na internet tiveram poder sobre o comportamento das jovens.

Segundo as lendas, Slenderman possui entre 1,80m e 4m, mora na Mansão Slender, possui tentáculos e costuma aparecer para raptar crianças. (Foto: HBO)

Segundo as lendas, Slenderman possui entre 1,80m e 4m, mora na Mansão Slender, possui tentáculos e costuma aparecer para raptar crianças. (Foto: HBO)

Fazendo uma abordagem séria sobre o crime cometido em 31 de maio de 2014, na cidade de Waukesha (no estado de Wisconsin, nos EUA), o documentário concentra-se em detalhar os efeitos da tragédia nas pessoas mais próximas a Morgan e Anissa até 16 meses após o ataque. Além dos dramas das meninas acusadas por tentativa de assassinato em primeiro grau, Cuidado com o Slenderman investiga as origens do homem magro (tradução de slenderman), como se tornou tão popular e por que é visto como anjo da morte e amigo dos desamparados.

Embora não especule sobre a existência da criatura protagonista de contos de terror, o documentário apresenta uma perspectiva interessante ao indicar que o Slenderman é nascido de diversos medos sociais (bullying, stalking etc.) e, mesmo não sendo real, é um risco sempre à espreita para uma geração conectada o tempo todo e exposta a influências perigosas na web.

Anissa apresentava características de transtorno delirante e Morgan foi diagnosticada com esquizofrenia na infância. Ambas serão julgadas como adultas neste ano. (Foto: HBO)

Anissa apresentava características de transtorno delirante e Morgan foi diagnosticada com esquizofrenia na infância. Ambas serão julgadas como adultas ainda neste ano. (Foto: HBO)

Após a exibição na TV, Cuidado com o Slenderman estará disponível na plataforma HBO GO e na HBO On Demand.

Comentários

comentários

Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado) em 2013. Atuou na redação dos portais Pensamento Verde e Mundo Carreira. Fundador do Boletim Nerd, realizou a cobertura dos eventos Comic Con Experience, Brasil Game Show e Campus Party e do lançamento de Star Wars: O Despertar da Força, Capitão América: Guerra Civil e Batman vs Superman: A Origem da Justiça.

Comentários estão fechados