Relembre a estreia da Mulher-Maravilha em Batman vs Superman

Prestes a estrear nos cinemas com uma aventura solo, a Mulher-Maravilha teve a sua primeira aparição nas telonas em Batman vs Superman: A Origem da Justiça (leia a crítica aqui), tornando-se indiscutivelmente o destaque da superprodução dirigida por Zack Snyder (300). Grande ícone da DC Comics e símbolo do empoderamento feminino, a super-heroína representada por Gal Gadot (Velozes & Furiosos 6) demonstrou coragem, graciosidade e muita força no encontro inicial da “Trindade”. É hora de lembrar como foi a introdução da Princesa Amazona!

Em Batman vs Superman: A Origem da Justiça, Mulher-Maravilha luta usando espada, escudo, seus braceletes e o Laço da Verdade. (Foto: Warner)

Em Batman vs Superman, Mulher-Maravilha luta com espada, escudo, braceletes e o Laço da Verdade. (Foto: Warner)

Enquanto Bruce Wayne (Ben Affleck, de O Contador) procura por dados sobre um pedaço de kryptonita no navio Português Branco, de Lex Luthor (Jesse Eisenberg, de A Rede Social), Mulher-Maravilha surge querendo o mesmo drive de informações que o bilionário de Gotham, mas por motivos diferentes. Nascida em Themyscira, Diana Prince viaja para Metrópolis para conseguir recuperar uma fotografia em que aparece na Bélgica em novembro de 1918 – registrada enquanto atuava na Primeira Guerra Mundial (história que será narrada em seu filme solo).

Atualizada, a Princesa Amazona está em dia com a moda e as novas tecnologias. (Foto: Warner)

Atualizada, a Princesa Amazona está em dia com a moda e as novas tecnologias. (Foto: Warner)

Na sequência de um “jogo de gato e rato” com Bruce, a filha da Rainha Hipólita obtém a imagem que consta na Pesquisa de Meta-humanos da Lex Corp e está prestes a partir quando percebe a ameaça de Doomsday. Deste modo, como Batman e Superman (Henry Cavill, de O Homem de Aço) – que acabavam de sair de um confronto malsucedido – não parecem capazes de deter o monstro renascido do kryptoniano General Zod (Michael Shannon, de Animais Noturnos), Wonder Woman dá um passo à frente como peça fundamental da última linha de defesa da Terra.

Mulher-Maravilha encara Apocalypse de modo como Batman jamais poderia fazer. (Foto: Warner)

Mulher-Maravilha encara Apocalypse de modo como Batman jamais poderia fazer. (Foto: Warner)

Embalada por uma trilha marcante, a estreia da Mulher-Maravilha mostrou-se eletrizante, poderosa e carismática o bastante para provar que há esperança para o Universo Cinematográfico DC.

Comentários

comentários

Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado) em 2013. Atuou na redação dos portais Pensamento Verde e Mundo Carreira. Fundador do Boletim Nerd, realizou a cobertura dos eventos Comic Con Experience, Brasil Game Show e Campus Party e do lançamento de Star Wars: O Despertar da Força, Capitão América: Guerra Civil e Batman vs Superman: A Origem da Justiça.

Comentários estão fechados